Talvez você já tenha vivido alguma experiência muito positiva com uma determinada marca. Daquelas que fez com que você não apenas se tornasse cliente fiel, mas também adquirisse outras soluções da empresa. Além de ter passado a advogar e a disseminar seu nome, certo? Se isso já aconteceu com você, possivelmente é porque essa marca pratica as melhores estratégias do marketing de relacionamento.

Neste post falaremos sobre o que é marketing de relacionamento, sua importância, como aplicá-lo e as 6 melhores estratégias desse tipo de ação para mostrar porque ele vale tanto a pena. Confira!

O que é marketing de relacionamento?

O conceito de marketing de relacionamento está diretamente ligado ao conjunto de ações e estratégias realizadas pelas marcas para que elas tenham mais oportunidades de se aproximarem do público consumidor e, assim, conseguirem manter uma relação positiva e frutífera.

Vamos além: o objetivo do marketing de relacionamento é cativar clientes fiéis, que são praticamente divulgadores e defensores da empresa. Portanto, por meio da oferta de uma experiência diferenciada ao comprador, esse tipo de marketing é usado por marcas que almejam se tornar referências no mercado.

Qual a importância do marketing de relacionamento?

A principal importância do marketing de relacionamento é que ele é empregado para complementar as estratégias de atração de clientes. Entretanto, para que isso se torne uma realidade, é preciso construir com eles uma relação forte e duradoura. Conheça a seguir as vantagens dessa prática:

  • ajuda na fidelização de clientes;

  • otimiza o funil de vendas;

  • provoca a disseminação da marca;

  • cria autoridade no mercado.

Quais as melhores estratégias de marketing de relacionamento?

Vale destacar que as estratégias listadas abaixo estão ligadas umas às outras. Se você trabalhar com elas em conjunto, fatalmente a sua empresa terá os melhores resultados.

1. Conheça o público-alvo

A primeira coisa a fazer antes de colocar em prática todas as estratégias de marketing de relacionamento é conhecer a fundo o seu cliente. Porque é esse entendimento que fará com que a sua marca siga a direção correta em busca do objetivo traçado.

2. Faça pesquisas

Muitos gestores e empresários acreditam (equivocadamente) que pesquisas são difíceis e caras de serem realizadas. A verdade é que, hoje, essa é uma das estratégias de marketing de relacionamento mais ágeis para a coleta de dados a fim de conhecer o seu público-alvo.

Assim sendo, várias plataformas de pesquisa online, como Typeform, Survey Monkey e Mind Miners viabilizam o contato com os seus clientes para rapidamente fazer pesquisas e obter resultados confiáveis. A boa notícia é que também existem planos gratuitos para isso.

Por fim, é preciso ter em mente que pesquisas de satisfação de clientes são fundamentais para traçar um plano de relacionamento. Em marketing, a mais usada é a NPS, que faz perguntas para medir a satisfação e a fidelidade de seus consumidores e obter os resultados por meio de pontuações.

3. Conte com canais de comunicação eficientes

Se você quer mostrar ao seu público que a sua empresa está aberta a um relacionamento de confiança, a melhor maneira de demonstrar isso é ter canais de comunicação eficientes. Porque é assim que ele consegue entrar em contato com o seu negócio com mais facilidade e obter respostas o mais rápido possível.

No entanto, é importante observar que esses meios de comunicação devem ser os mais variados, tais como:

  • chat online;

  • mensagens instantâneas;

  • e-mail;

  • telefone;

  • mídias sociais, entre outros.

Lembre-se de oferecer um atendimento simpático, solícito e gentil, além de mostrar o quanto é significativo para a sua empresa receber o contato dos seus clientes, porque tudo isso conta bastante na hora de transparecer a sua imagem.

4. Aproveite o e-mail marketing

Quando o assunto é marketing de relacionamento, certamente, o e-mail marketing é uma das ferramentas mais utilizadas pelas marcas. Afinal, elas têm a oportunidade de personalizá-lo e aproveitá-lo para diferentes estratégias. Com esse canal de comunicação, torna-se possível:

  • divulgar novas oportunidades e oferecer novos produtos;

  • difundir campanhas, descontos, promoções, vantagens, cupons e bônus, reforçando as vantagens de ser cliente da empresa;

  • propagar conteúdos relevantes e que gerem algum valor para a pessoa;

  • mostrar como a marca tem um papel importante na vida do consumidor, destacando os benefícios de ser cliente da sua organização etc.

5. Utilize as redes sociais

Se você pensa em comunicar-se de maneira instantânea e alcançar novos públicos, lembre-se de que as redes sociais são ferramentas ótimas de interação entre a sua marca e as pessoas. Compreenda que aparecer nas principais redes também é uma estratégia de marketing de relacionamento.

Nesse cenário, as principais delas dão oportunidade para as companhias divulgarem suas mensagens, com audiências cada vez maiores, como é o caso do:

  • Facebook;

  • Instagram;

  • Twitter;

  • LinkedIn, entre outras.

É exatamente nas redes sociais que acontece o que chamamos de defesa da marca. Isso ocorre porque os usuários ganham voz nesses canais e tornam-se influentes. Nesse caso, cabe às marcas oferecer conteúdos relevantes e chances para as pessoas interagirem com o seu negócio.

Portanto, é fundamental cuidar da interação por meio de imagens, vídeos, gifs etc. Porém, não basta apenas divulgar conteúdo, é essencial que a marca responda comentários, se posicione e dê retorno às mensagens enviadas pelas pessoas.

6. Aposte no marketing de conteúdo

Uma das mais efetivas táticas de relacionamento com o cliente é o marketing de conteúdo. Essa modalidade nada mais é que a criação de conteúdos em blogs, mídias sociais e sites que sejam do interesse de seu público-alvo, relevantes e úteis para ele.

Por sua vez, esses conteúdos devem ser acompanhados por técnicas de SEO (utilização das palavras mais buscadas por seus clientes no Google), e isso colabora para que eles encontrem o que procuram em textos de autoria do seu negócio. 

Essa estratégia, além de dar autoridade para a sua marca, conta com materiais que costumam conter um link direcionando o usuário para um conteúdo ainda mais completo e aprofundado sobre o assunto.

No entanto, para acessá-lo, é necessário que o interessado deixe seu e-mail, por exemplo. Dessa forma, inicia-se o envio de mais conteúdos, cuidadosamente selecionados para o perfil específico dessa pessoa, sem exageros e de uma maneira bem estudada.

Assim sendo, conhecer esse cliente cada vez mais torna-se algo possível, até que seja oportuno fazer uma oferta de venda bem certeira, aquela que realmente atenda às suas necessidades.

Como implementar o marketing de relacionamento?

Existem inúmeras maneiras de fazer isso e, felizmente, a internet facilitou as coisas para os empreendimentos, visto que a rede permite que eles se aproximem ainda mais da audiência.

Apenas para ilustrar, é possível contar com metodologias do Inbound Marketing e do Marketing Digital para isso. Quando o assunto é ferramentas, é viável utilizar mídias sociais, blog e e-mail marketing. Além disso, as ações offline, as chamadas mídias out of home, também são importantes, como o envio ou a distribuição de brindes.

Por fim, é preciso ter em mente que o marketing de relacionamento deve ser um planejamento gradual e tem que ser constantemente utilizado. Durante o processo é fundamental adaptar-se à mudança do perfil dos consumidores e identificar oportunidades em sua base de clientes.

Se você gostou deste artigo e quer melhorar o ranqueamento no Google, confira também agora mesmo 5 técnicas de SEO para blog!