Como captar clientes através do seu site? Descubra agora!

Você esta em://Como captar clientes através do seu site? Descubra agora!
Voltar

Como captar clientes através do seu site? Descubra agora!

2019-05-16T13:52:34-03:0016 . maio . 2019 Blog Marketing

Como captar clientes e crescer constantemente são as questões principais para os empreendedores. Não é para menos, afinal, trabalhar apenas com fidelização pode estagnar o negócio e, em uma eventual crise econômica, levar a empresa à falência. Para não correr esse risco, a internet é uma aliada imprescindível. Quer saber como? Nós vamos te explicar com detalhes! 

Neste artigo, você vai descobrir a importância de ter um bom site para gerar novas oportunidades de negócio e também listamos algumas estratégias fundamentais para converter seus leads em clientes. Ficou interessado? Então continue a leitura!

Compreenda o que é a captação de clientes

A captação de clientes consiste em um conjunto de estratégias para atrair pessoas que estejam dispostas a comprar em sua empresa. Perceba que captar é o mesmo que conquistar ou atrair. Pensando nesses sinônimos fica mais fácil de entender, certo?

Essa busca por clientes acontece com a criação de uma série de oportunidades para viabilizar o contato entre a empresa e os clientes em potencial.

Saiba como captar clientes

Diante do cenário de conectividade em que vivemos, nos próximos tópicos vamos falar detalhadamente sobre como realizar essa captação especificamente no ambiente online e, com isso, converter leads em clientes. Confira!

1. Crie um site simples de navegar

Atualmente, a maioria das pessoas possui ao menos um dispositivo eletrônico móvel — celular, tablet e, até mesmo, relógio conectado à internet —, por isso, o seu planejamento para captação de clientes precisa ser feito levando em consideração a criação de um site responsivo e simples de navegar por esses dispositivos.

2. Seja claro ao falar da sua proposta de valor

A conectividade também trouxe certa urgência nas comunicações. Isso significa que as pessoas não estão mais dispostas a ler textos grandes e complexos. Por isso, é preciso ser o mais claro possível na descrição do seu produto ou serviço. Vale lembrar que o cliente em potencial também precisa ser encantado com os benefícios que terá ao escolher sua empresa, logo na página inicial.

3. Use o marketing de conteúdo para convencer

Segundo o estudo “Decodificando as Necessidades Digitais”, citado no início deste artigo:

  • 76% dos consumidores procuram informações sobre produtos e serviços em blogs ou fóruns;
  • 42% dos consumidores leem blogs de pessoas desconhecidas para se informar antes de realizar uma compra ou contratar um serviço;
  • 63% dos consumidores comentam na internet sobre as suas experiências com produtos e serviços;
  • 52% dos consumidores acessam as redes sociais para obter informações sobre o produto ou serviço que estão interessados.

Isso significa que as pessoas buscam muita informação nos diversos ambientes digitais antes mesmo de tomarem a decisão de compra. Ou seja, um marketing de conteúdo de qualidade na hora certa e do jeito certo — pode ser a maior fonte de captação de clientes.

4. Crie um fluxo de e-mails segmentado

Um dos recursos que pode e deve ser utilizado para cumprir o tópico anterior  de investir em marketing de conteúdo  é o e-mail marketing.

Ele funciona da seguinte maneira: periodicamente, sua empresa enviará automaticamente uma série de e-mails com conteúdos cativantes para cada grupo dos seus leads.

5. Entenda o que seu cliente espera e precisa

Você precisa saber quem é o seu público-alvo para definir qual é a melhor forma de realizar uma captação precisa. Portanto, descubra:

  • quais são os valores pessoais que o seu cliente defende;
  • o que seu cliente espera da relação com a sua empresa;
  • qual linguagem ele utiliza e entende melhor.

6. Aposte nas recomendações de clientes atuais

Boca a boca continua sendo a melhor estratégia de marketing. Entretanto, nem sempre isso acontece de forma orgânica, o não quer dizer que exista algo de errado com a sua empresa. Às vezes, os clientes só precisam de um pequeno empurrão, como:

  • criação de um programa de recompensas para quem indicar novos clientes;
  • criação de perfis em redes sociais que possuem ferramentas de avaliação;
  • disponibilidade de um espaço virtual para que os clientes narrem suas experiências com o produto ou serviço.

Entenda a importância em alinhar o marketing e as vendas

Para fazer um bom trabalho, o marketing precisa conhecer as necessidades dos consumidores algo que o pessoal de vendas domina. Por sua vez, o pessoal de vendas precisa bater metas constantemente e o marketing pode ajudá-los, ao trazer novos clientes.

Percebeu a importância do alinhamento entre esses dois times? Separamos algumas dicas que os dois setores podem adotar para que alcancem essa sinergia. Veja abaixo:

1. Alinhe-se de acordo com as diretrizes dos gestores

É fundamental que a decisão de alinhar as equipes de marketing e vendas seja apoiada e acompanhada pelos gestores. Isso é importante porque garante gerenciamento do cotidiano e de possíveis crises. 

2. Estruture metas e processos

Os gestores precisam estabelecer quais são as atribuições de cada equipe e em quais situações eles vão precisar interagir. Cada setor deve estabelecer suas próprias metas considerando o impacto do trabalho de um time no outro. Ter um processo bem estruturado e dividido pode evitar problemas.

3. Estabeleça e considere as métricas continuamente 

Embora cada equipe tenha suas próprias metas, é preciso existir uma definição das métricas em conjunto. Separamos as principais:

Retorno sobre investimento (ROI)

O ROI mostra qual foi o retorno sobre o valor investido em cada ação. O cálculo consiste em: ROI = Receita obtida – valor investido / valor investido

Ticket médio

Essa é a métrica que aponta o valor total médio gasto com a empresa por cada cliente, por mês. O cálculo consiste em: Ticket médio mensal = Receita do mês / Número de clientes do mês

Custo por clique (CPC)

É por meio do CPC que o gestor consegue quantificar o valor que cada consumidor custa para que ele chegue em determinada página do seu  blog ou site. O cálculo consiste em: CPC = Custo da campanha / Número de cliques obtidos

Custo por lead (CPL)

Se o CPL for alto, as conversões de leads em clientes são ótimas. Portanto, esse é um número que, quanto mais baixo, melhor. Pode ser representado por: CPL = Investimento total na campanha / Número de leads gerados.

Atrair e buscar clientes é um processo muito importante para os negócios. Por isso, siga essas dicas sobre como captar clientes e tenha uma estratégia relevante. Lembrando de sempre identificar o que funciona melhor para o seu ramo!

Agora que você já sabe como captar clientes através do seu site, está na hora de colocar a mão na massa! Para ficar mais preparado, veja quais são os critérios mais importantes para fazer o website.

Deixe um comentário