Todos os empreendedores que criam um site para ter uma performance superior querem melhorar o desempenho no ranqueamento do Google. A verdade é que existem vários aspectos que interferem no posicionamento de um site. No entanto, se você deseja melhorar a posição de suas páginas nos mecanismos de busca e ir além de seus concorrentes, precisa seguir algumas dicas de SEO.

Não é segredo que a criação de uma estratégia de SEO de qualidade pode ser um processo um tanto quanto difícil e longo, mas em se tratando de marketing digital, não há para onde fugir.

Neste post apresentamos as seis principais dicas de SEO para que você, independentemente do setor em que atue, consiga superar a concorrência e ocupar as mais desejadas posições entre os resultados de busca do Google. Confira!

1. Escolha as palavras-chave certas

Para ter uma noção melhor e uma perspectiva mais fiel das palavras-chave e do que os visitantes estão buscando, é preciso fazer as seguintes perguntas:

  • Por que o ranking das páginas atuais?
  • O pesquisador está em busca de informações ou de conteúdo sobre o produto?
  • Eles procuram algo com maior profundidade? Ou uma breve leitura?
  • Qual estilo de conteúdo responderá melhor à palavra-chave?

Com uma melhor compreensão da palavra-chave, dos sites com melhor classificação e do que a pessoa deseja, você estará pronto para criar um conteúdo épico.

2. Produza um conteúdo relevante e atualizado

Pode até parecer que não, mas o Google reconhece e ama conteúdos de qualidade. Para provar isso, basta conferir as dez primeiras posições no ranking dele. Você perceberá que todos os artigos contêm dois requerimentos extremamente relevantes:

  • geralmente, o conteúdo é mais longo e de alta qualidade;
  • o artigo satisfaz a intenção de pesquisa.

Embora um conteúdo longo e bem escrito seja uma das principais dicas de SEO, você pode não saber qual é a intenção da pesquisa. Na realidade, a intenção de busca é a intenção que existe por trás das palavras-chave.

Portanto, ao criar qualquer tipo de conteúdo, procure o que está classificando naquele momento e tente compreender o porquê de aquilo estar classificado naquela posição.

Em algumas situações, o conteúdo será classificado apenas pela força do domínio. Porém, se cada página tiver a quantidade de autoridade semelhante, o próprio conteúdo será o seu fator de diferenciação.

Por fim, na hora de redigir seu conteúdo, tenha clareza, objetividade e ofereça algo completo. Dessa forma, você garante que o usuário encontrará o que precisa no melhor conteúdo sobre o assunto.

3. Observe os primeiros resultados da busca

Uma das principais dicas de SEO para compreender o que os usuários procuram e quais são as suas dúvidas é observar com bastante atenção os primeiros resultados da busca — em português e em inglês, visto que é muito interessante e relevante entender quais as tendências do mercado também em outros países.

A partir daí, você consegue identificar pontos em comum e até mesmo perguntas ainda não respondidas a fim de elaborar um conteúdo ainda mais completo. Procure entender o que esses artigos oferecem e extraia deles algumas ideias. Exercite a empatia e coloque-se no lugar da sua persona, observando se falta algo ali, ou se há algum aspecto que está demais.

4. Recorra ao Webmaster Tools

Os profissionais que trabalham com marketing digital e SEO sabem que é praticamente impossível seguir adiante sem utilizar o antigo Webmaster Tools, ou “Search Console”, como é chamado agora. Isso porque é por meio dele que você consegue:

  • acompanhar a posição que o site se encontra para cada termo de pesquisa;
  • quantas vezes o site apareceu em um resultado de pesquisa; 
  • quais são os termos que estão mostrando o site etc.

Com essa ferramenta também é possível executar diversos outros procedimentos, como solicitar o envio de uma determinada página para o índice do Google, mostrar para o Google onde está nosso sitemap, entre outros.

Dessa forma, é inviável ficar sem recorrer ao Search Console. Para acessá-lo, basta entrar em www.google.com/webmasters e checar a propriedade do seu site.

Não se esqueça de monitorar o ranking das posições da sua página e ter atenção aos eventuais “termos de pesquisa” que estão acionando a impressão do seu site. Nesse sentido, é interessante conferir se não vale a pena otimizá-lo para melhorar o posicionamento em função desses termos.

5. Use ferramentas de pesquisas

Ferramentas de pesquisas, como o Google Analytics e Google Trends, podem ser utilizadas para diversas situações.

Se você tem um blog e/ou produz conteúdo, deve aproveitar o Trends para acompanhar as principais tendências do momento. Assim, você tem a chance de encontrar as chamadas “pautas quentes”, ou seja, aquelas que estejam tendo um volume de tráfego/buscas imenso e, diante disso, criar um conteúdo promissor.

Outra boa dica para utilizar o Google Trends é comparando períodos e comportamentos com o intuito de analisar variação de termos de pesquisa e volume de buscas.

Por sua vez, o Google Analytics trata-se da principal ferramenta para coleta e análise dos dados relacionados ao tráfego e ao comportamento de usuários em um site. É uma solução indispensável para qualquer página. Afinal, com ele, você consegue informações como:

  • quantidade de acessos;
  • de onde veio o usuário (Qual tipo de mídia? Qual site? Qual cidade?);
  • qual plataforma a pessoa estava utilizando? (mobile ou desktop);
  • tempo de experiência do usuário e de permanência em cada página;
  • qual página tem mais “saída de usuários”, entre outras.

6. Faça parceria com uma agência especializada

Conte com a parceria de uma agência especializada em marketing digital, que tenha soluções e funcionalidades como criação e otimização de landing pages, painel de palavras-chave, disparo de e-mails marketing estratégicos etc.

Por meio do painel de palavras-chave, por exemplo, você poderá escolher aquelas que efetivamente contribuem para o crescimento do seu negócio. Além disso, uma boa parceria demonstra os indicadores mais relevantes para um posicionamento digital adequado.

Como deu para perceber, há muito a considerar ao otimizar seu site para os mecanismos de pesquisa. Lembre-se que seguir as dicas de SEO é um processo de longo prazo. Embora os efeitos da estratégia de marketing de conteúdo só apareçam depois de um certo tempo, tenha em mente que, quanto mais empenho e esforços você colocar em SEO, mais resultados você verá.

Se você gostou dessas dicas e quer conhecer melhor o trabalho da Motion Publicidade, autoridade em marketing digital no mercado, entre em contato conosco agora mesmo! Podemos formar uma parceria de muito sucesso!