Com o isolamento social a interação nas mídias sociais tornou-se ainda mais poderosa para as empresas

A pandemia do Covid-19 está mudando a maneira como as pessoas se comportam online. No início da quarentena, mais de 2 milhões de pessoas estavam em isolamento social no mundo inteiro, mas isso não significa que não estão se comunicando. De acordo com um mapeamento recente da Socialbakers (líder global em soluções para a otimização de performance corporativa em redes sociais), as interações em posts orgânicos no Facebook e no Instagram aumentaram até 200% comparando o período atual com anterior a março. Além disso, outras plataformas tiveram grandes aumentos de público e já existe até novas sendo criadas como concorrência. Saiba quais são elas e como se beneficiar desse crescimento é uma ótima solução para as empresas. 

O “boom” das lives e vídeos

É difícil quem não tenha assistido alguma live durante a quarentena, não é mesmo? Os vídeos se tornaram um recurso bastante procurado pelos usuários durante a quarentena. O YouTube, alcançou milhões de pessoas através de transmissões ao vivo de diversos cantores e artistas. Mas não foi apenas através desse meio que a plataforma foi utilizada, um exemplo de popularidade brasileira nesse período é o programa MasterChef, que tem um canal no YouTube e viu o número de acessos crescer 30% em menos de um mês. Outra ferramenta que se destacou através de lives foi o Instagram, a utilização do serviço aumentou cerca de 70% nos últimos meses.

O sucesso do TikTok

O período de isolamento social provocou maior número de acessos em redes mais novas como o TikTok, provando ser uma oportunidade para influenciadores e marcas que desejam crescer e ganhar relevância com o público. 

O TikTok é um aplicativo chinês, no qual você pode assistir vídeos curtos com música, vozes e vários efeitos. A plataforma é o novo fenômeno entre os jovens e se tornou o segundo aplicativo mais baixado na internet, ultrapassando 1 bilhão de downloads apenas no Android. A mecânica do aplicativo possibilitou com que o engajamento fosse altíssimo entre os usuários o que acaba chamando atenção de mais e mais jovens, e consequentemente das empresas.

TikTok x Reels

Ao perceber o grande número de acessos no Tik Tok, e o seu sucesso, o Instagram agiu rapidamente lançando a ferramenta Reels. O serviço não está em um aplicativo próprio, mas sim como recurso hospedado no Instagram. A ideia é que estar dentro de um aplicativo já popular aumente as chances de sucesso. Tal como no TikTok, ele permite que você grave vídeos curtos — de até 30 segundos — e adicione músicas e efeitos especiais para criar clipes divertidos. Tais conteúdos podem ser compartilhados em seu feed e também são destacadas na aba “Explorar” do app. A corrida pelo engajamento dos usuários promete ser acirrada e pode fazer com que muitos influenciadores e empresas transformem essa experiência em oportunidade para se destacar.

WhatsApp e Apps Delivery

Segundo dados da consultoria Kantar, o WhatsApp teve um aumento de 76% devido a pandemia. O aplicativo começou a ser muito utilizado no contato de empresas com clientes que viram as redes sociais como aliadas para alcançar novos consumidores e manter seus negócios através de vendas online e entregas por delivery. Um exemplo de empresa que teve que se reinventar e investiu na entrega de seus produtos por delivery, foi a nossa cliente Jack Pizza, pizzaria de grande sucesso na região de Pinhais que é famosa pelo seu cardápio e espaço, mas que se viu obrigada a fechar e pensar em novas estratégias para continuar atendendo o público.

Ainda não há previsão de quando a quarentena irá acabar, mas o fato é que a maneira que o público se relaciona com as redes sociais, as estratégias das empresas e a interação social nunca mais serão os mesmos. 

Para planejar a atuação de sua empresa nas redes sociais, conte com a Motion Publicidade. Somos uma agência de marketing digital com foco em mídias sociais e iremos te ajudar a alavancar os negócios de sua empresa.