Se você está lendo este texto, provavelmente, sua empresa tem um perfil nas principais plataformas sociais. Mas, se você está lendo este texto, também é provável que você esteja procurando por respostas para suas dúvidas. Pois, convenhamos, ter um perfil no Facebook ou Instagram é uma coisa, mas gerenciá-lo e usá-lo de maneira eficiente para trazer resultados positivos para seu negócio é outros 500’s. Por isso, é mais fácil do que se pensa cometer erros na gestão de redes sociais. 

De nada vale estar presente nas redes sociais se não souber aproveitar todas as suas ferramentas e potenciais de negócio, ou utilizá-las de forma errada. Lembre-se: o perfil da sua empresa não é o seu perfil pessoal. É preciso atenção, planejamento e tato para fazer da página da sua empresa um canal de conversão de leads e vendas. Por isso, é preciso parar de cometer alguns erros bobos de gestão que passam despercebidos. 

Pensando nisso, a Motion Publicidade montou uma lista com 11 erros mais comuns de gestão de redes sociais que vemos por aí. Continue lendo o texto e evite que aconteça o mesmo com você! 

1 – Falta de planejamento

O erro mais comum e que traz com ele muitos outros, é não fazer uma planejamento estratégico e de marketing para as suas redes sociais. É com ele que se define os objetivos e metas da sua empresa, a persona do seu negócio e de seus clientes, seu público-alvo, a linguagem e o conteúdo da sua comunicação, como se portar e usar cada rede social, quais estratégias e ações tomar e por aí vai. Ademais, é com este planejamento que você traçará todos os seus passos nas redes sociais. Sem ele fica muito mais difícil de se comunicar corretamente e muito mais fácil de trocar os pés pelas mãos. 

2 – Falta de informações

Ao criar seu perfil profissional, não esqueça de deixá-lo completo com todas as informações da sua empresa. É bem normal – e decepcionante – entrarmos em um perfil e estar faltando informações básicas como localização, site, telefone ou, até mesmo, o que a empresa faz. Então, lembre-se sempre de colocar fotos de perfil e capas atrativas que identifiquem seu negócio logo de cara, de preencher todas infos sobre sua empresa, deixar o link do seu site ou número de contato e escolher a categoria correta do empreendimento. 

3 – Não socializar 

É importante ressaltar: estamos em redes SOCIAIS. Então, socialize com seu público! Se alguém comentar, responda; se alguém elogiar, agradeça; se alguém criticar, responda de forma educada, tente entender e transformar o comentário negativo em positivo. Nunca deixe seus clientes falando sozinho, assim como você gosta de atenção e se sentir importante, seus clientes também. Criar um bom relacionamento com quem segue sua página pode trazer bons resultados como: fidelização, mais curtidas e interações e mais vendas! 

4 – Focar apenas em vendas 

Pegando gancho com o item nº3, estamos em redes SOCIAIS, então não transforme sua página em uma vitrine virtual; este é um dos erros mais comuns de gestão de redes sociais. As pessoas estão nas plataformas para ver seus amigos, memes e ficar por dentro dos eventos, e “de brinde” seguem as páginas das empresas que gostam. Mas ninguém quer ver apenas vendas e vendas, por isso é preciso entreter. Poste conteúdos diferenciados, interativos, que agregam para a vida e trabalho de seus seguidores. Humanize sua marca também, os consumidores gostam de ver vida, não apenas negócios. 

5 – Querer ser onipresente 

Não há necessidade de estar em TODAS as redes sociais que existem. Não é saudável para você e seu negócio, e fica muito mais fácil de cometer erros ou deixar alguma das páginas abandonadas. Realizando o item 1, você analisa e determina as redes ideais para o seu negócio e nicho, e como usá-las de forma correta. Muitas vezes, uma plataforma dá super certo para uma empresa, mas pode não dar certo para a sua. Com planejamento e análise fica fácil de definir isto. 

6 – Não pensar em incentivos 

Busque sempre criar incentivos! Além de alimentar sua página e construir a imagem da sua empresa, é necessário gerar ações que incentivem sua audiência a visitar seu site ou comprar seus produtos/serviços, assim, seus consumidores sentem, que mesmo sem receber algum presente, obtém algo de sua marca. Portanto, nunca deixe de criar promoções, sorteios, dar descontos, dar “presentes” (e-books ou materiais online grátis), etc. Esta é uma das melhores formas de conquistar e fidelizar o público. 

7 – Não mensurar dados 

Um dos erros mais comuns é não mensurar e analisar os dados de desempenho de seus perfis. Como você saberá se está acertando ou errando? E as próprias plataformas, como Facebook e Instagram, dão esses dados para você, então deixar de vê-los é burrice! Além de prestar atenção em detalhes como seguidores, curtidas, compartilhamentos e comentários, também fique atento quanto a número de acessos ao site a partir das redes sociais, cadastros em formulários, downloads de conteúdos ricos, entre outros. Analisando essas métricas você percebe o que trouxe bons resultados ou não, e vai adaptando sua comunicação e presença online. 

8 – Comprar seguidores e curtidas 

É tentador, ainda mais para quem está começando ou é de uma empresa pequena, mas NUNCA compre fãs e seguidores! Essa estratégia, além de ser superestimada, não traz resultados REAIS. Apenas faz com que você tenha métricas de vaidade, já que só aumentará o número de seguidores e curtidas em seu perfil, mas o engajamento e vendas, provavelmente, continuem o mesmo. De nada vale ter centenas de seguidores, se a maioria deles nem reais são e não se relacionam verdadeiramente com sua marca. 

9 – Não patrocinar 

Nunca deixe os posts patrocinados de lado ou ache que são gastos desnecessários. Se você faz isso, você atrapalha, e muito, o potencial de alcance, engajamento e venda de suas publicações. Cada plataforma oferece um sistema de patrocínio – Facebook Ads, Instagram Ads, Linkedin Ads, etc – e você deve usá-los! Pois, patrocinando seus posts você leva sua marca a um público muito maior, pode selecionar perfis específicos para verem seus posts e, se o problema é dinheiro, você mesmo define quanto dinheiro irá usar e por quanto tempo. É uma ferramenta flexível e eficiente para empresas de qualquer porte. 

10 – Postar demais ou postar de menos 

Nem 8, nem 80, você deve achar um meio termo para a frequência com que você posta em suas redes. Pois criar um perfil e abandoná-lo, ou postar com grandes intervalos de tempo, transmite a imagem de indiferença, desinteresse e ausência de profissionalismo para o seu público, o que atrapalha o posicionamento, credibilidade e a confiança na marca. Postar além do limite também pode ser prejudicial, porque ninguém gosta de ser bombardeado por posts a todo momento. A frequência de postagens varia de negócio para negócio e de nicho para nicho, para alguns é necessário ter um grande fluxo de postagem, para outros não. Mas o certo é encontrar o fluxo certo para o SEU negócio, que não seja demais nem de menos! 

11 – Não aceitar a ajuda de quem entende 

Um erro comum e recorrente é que, muitas vezes, os próprios empreendedores querem cuidar das redes de sua empresa ou passam para alguém que “entende um pouco mais de tecnologia”, para não ter gastos adicionais. Isto é um tiro no pé e pode atrapalhar seu negócio. É melhor deixar o orgulho de lado e delegar a função para quem realmente entende. Isso não é um gasto a mais para sua empresa, É UM INVESTIMENTO! Se você, proprietário, já tem que lidar com tantas coisas como funcionários, contas, estoque, burocracias, etc, como vai ter tempo de gerir as redes sociais de forma eficiente? Invista na comunicação do seu negócio e não hesite em contratar agências especializadas, seu negócio pode aproveitar 100% de seu potencial com a ajuda de quem sabe o que está fazendo! O retorno será maior do que o dinheiro que você iria “economizar”

CONTE CONOSCO

Se você prestar atenção nas questões que apontamos e seguir as dicas que separamos, as chances de sua página colher melhores resultados é muito maior e as chances de cometer erros de gestão de redes sociais ainda menor! Para ficar ainda mais por dentro do assunto, leia também nosso artigo sobre quais tipos de conteúdo evitar de postar no perfil do seu negócio! 

Está a procura de um parceiro para cuidar das redes sociais do seu negócio? O objetivo da Motion é muito mais do que ser apenas uma agência, queremos ser parceira dos clientes que atendemos, e assim, fazer parte da realização de sonhos, cumprimentos de metas e conquista resultados. Entre em contato conosco e dê um UP em seu negócio!